À italiana

Compartilhe esse conteúdo com alguém...
0 Flares 0 Flares ×

Renato Turla - foto por Viviane Pelissari
» por Patrí­cia Ribeiro

Com mais de 30 anos de prática, Renato Turla é um dos maiores nomes do Yoga na Itália e veio ao Brasil em agosto de 2006 para mostrar sua técnica.

Ele é considerado um dos maiores expoentes do Yoga na Itália. Renato Turla esteve no Brasil em agosto de 2006 para uma série de workshops. Com a assistência do yogi Gustavo Ponce, diretor do Yogashala, de Santiago (Chile), o especialista ensinou sua técnica em várias escolas, mostrando uma diferente abordagem na execução dos asanas.

Turma em Mariscal (SC) de 4 a 6 de agosto de 2006
Turma em Mariscal (SC) de 4 a 6 de agosto de 2006


Com a energia de um garoto e esbanjando simpatia, Renato não aparenta a idade que tem, 59 anos e mais de três décadas de prática de Yoga. Ele define-se como um curioso, alguém que não se conforma com os dogmas e se aprofunda em tudo o que faz. Segundo ele, um asana nunca é igual, mesmo que se repita muitas vezes. “Um asana é uma combinação de ações que criam forças opostas no corpo, o que nos leva a um estado de equilí­brio perfeito; só tem valor se for feito com inteligência e consciência“, afirma.

Turma em Fortaleza (CE) de 7 a 10 de agosto de 2006
Turma em Fortaleza (CE) de 7 a 10 de agosto de 2006


Baseado no método Iyengar, o yogi criou o curso Passagens Harmônicas, no qual inclui o estudo da Yogaterapia para problemas estruturais, como o estresse e a dor, e também enfatiza os aspectos fisiológicos e psí­quicos dos asanas. “Essas passagens são uma maneira de mudar de uma postura para outra de maneira doce, precisa, sem titubear e com a máxima leveza. Deve-se conhecer profundamente o movimento e o espaço que precede a postura e o que vem depois”, explica.

Renato Turla ensinado trikonasana

Renato Turla - foto por Viviane PelissariBeleza, consciência profunda e controle. Para ele, esses são os conceitos para uma prática perfeita. “Não adianta saber a técnica se não tiver alma, nem ter somente alma sem nenhuma técnica; a execução dos asanas implica equilí­brio“, avalia. Renato diz que o método que ele ensina serve para todas as pessoas, desde o iniciante até o professor mais experiente. “Essa técnica é para pessoas de mente aberta, que querem trabalhar o corpo de maneira consciente e inteligente“.

Renato Turla ensinandoDe acordo com o especialista, a popularidade do Yoga trouxe benefí­cios, mas também criou alguns problemas: muitas pessoas exageram, praticam de forma equivocada e acabam se machucando. “O corpo e a mente têm de estar conscientes durante a execução; a mente é o maestro que dá o comando, e o corpo deve executar com a alma”.

Renato Turla praticando

Do karate ao Yoga

Campeão de karate na Itália por vários anos, Renato Turla começou a interessar-se pelo Yoga em 1974, aos 27 anos, para melhorar seu desempenho nos esportes. A curiosidade foi aumentando até chegar ao ponto de o antigo karateca abandonar a direção de uma escola de artes marciais com 250 alunos para dedicar-se integralmente ao Yoga. Foi para a Índia, onde estudou com o mestre B.K.S. Iyengar, voltou í  Itália e depois conheceu a professora de Yoga Dona Holleman, com quem trabalhou e escreveu o livro Harmonic Passages (sem previsão de lançamento em português). Atualmente, dirige um estúdio de Yoga na Itália e dá workshops em vários paí­ses. revista Vida & Yoga nº 12Renato planeja voltar ao Brasil em julho ou agosto de 2007, para mais uma série de aulas em várias cidades. “Aqui, me senti em casa”, disse.

Para saber mais, acesse: www.yogajyotim.com.


Artigo de Patrí­cia Ribeiro publicado originalmente na revista Vida & Yoga edição nº 12, ano 3, de outubro de 2006, da On Line Editora.

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *