O que é Vedanta?

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

Cristiano Bezerra estudando Vedanta com a Profª Gloria Arieira em maio de 2007. Foto por Denise Mustafa.

Cristiano Bezerra estudando Vedanta com a Profª Gloria Arieira em maio de 2007. Foto por Denise Mustafa.

» por Gloria Arieira (1953-), do Vidya Mandir

O homem é consciente de si mesmo, de um ser que é incompleto. Essa auto-apreciação é peculiar ao homem, visto que, sendo consciente, ele é também consciente das próprias imperfeições, o que dá origem ao descontentamento. Assim sendo, a vida de um dado indivíduo é governada por desejos, que estabelecem o fato dele não estar à vontade consigo mesmo.

Desejos diferem de indiví­duo para indiví­duo. Não existem duas pessoas com o mesmo grupo de desejos. Cada um cultiva desejos particulares ao ser influenciado pelo meio cultural e pelas condições de vida em que nasce e se desenvolve.

Veja MAIS »

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

O que é sábio esperar do Yoga?

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

Professor José Hermógenes em padmasana na década de 1960

Professor José Hermógenes em padmasana na década de 1960

» por Professor Hermógenes (1921-2015)

Damos toda a razão a quem pretender com o Yoga melhorar suas condições físicas e psicológicas. Você poderá colher tais frutos. Seu corpo remoçará, como o desejo. Os sinais de decadência física, própria da idade avançada, seguramente serão retardados ou substituídos pelos aspectos juvenis que dão encanto às pessoas moças. As adiposidades desaparecerão. A cor rosada e sadia brilhará em seu rosto. As linhas elegantes, o tórax desenvolvido, a harmonia dos gestos, o porte ereto, tudo enfim que embeleze a figura, se encontram a seu dispor. No plano psicológico, alcançará, concomitantemente, outras tantas vantagens. Ao tratar de cada asana e de cada pranayama, em Autoperfeição com Hatha Yoga e em Yoga para nervosos, fiz referência a vantagens terapêuticas. Essas referências foram retiradas de tratados respeitáveis bem como de minha experiência com milhares de casos.

Veja MAIS »

Compartilhe esse conteúdo com alguém...