Um caminhão de sabedoria – entrevista com Professor Hermógenes

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

» por Bernardo Horta

Maria Bicalho, esposa de um dos mais respeitados professores de Yoga do Brasil, foi atropelada por um caminhão quando o casal visitava o ashram de Sri Sathya Sai Baba, mestre de ambos, em janeiro de 1993, na Índia. Uma prova difí­cil, que deu a Hermógenes a oportunidade de pôr em prática a filosofia de vida que já professava há mais de 30 anos.

O Sr. não acredita mais na Medicina?

Quando proponho a Medicina sem terapeuta, sem médico, sem remédios, não estou contestando a alopatia e a homeopatia, pois elas todas são necessárias. A Medicina alopática me salvou da tuberculose. Não posso negá-la. Minha posição é que a Medicina tem se especializado em cuidar das doenças, e a Yogaterapia vai cuidar da saúde. Mas é verdade que podemos precisar da Medicina a qualquer momento…
Veja MAIS »

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

Karma Yoga – Bhagavad Gita, canto III

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

Yoga da ação

Arjuna disse:

Krishna e Arjuna1. Se julgas, Janardana, que o conhecimento é superior à ação, por que me obrigas a cometer semelhante ato de crueldade, Keshava?

2. Com Tua linguagem ambígua confundes meu entendimento. Assim, pois, indica-me com clareza o caminho mais seguro por onde eu possa alcançar a bem-aventurança.

Krishna disse:

3. Segundo te disse antes, há neste mundo dois caminhos1, ó, tu de coração puro2: o dos samkhyas, que praticam a devoção3 através do conhecimento espiritual, e o dos yogis, que professam a devoção através das obras.

Veja MAIS »

  1. Métodos ou regras de vida. []
  2. Somente os homens de coração puro estão aptos para receber a Verdade. []
  3. Yoga. []
Compartilhe esse conteúdo com alguém...

Samkhya Yoga – Bhagavad Gita, canto II

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

Yoga do conhecimento correto

Krishna e Arjuna
Sanjaya disse:

1. Vendo Arjuna tão abatido, invadido pela comiseração, os olhos aflitos e cheios de lágrimas, disse-lhe Madhusudana as seguintes palavras:

Krishna disse:

2. De onde provêm, Arjuna, neste momento crí­tico, esse torpe desalento, indigno de um homem de raça nobre, essa covardia que traz ignoní­mia e cerra as portas do Céu1?

3. Não renuncies, filho de Pritha, í  virilidade do combate e do herói! É indigno de ti! Liberta-te dessa fraqueza vergonhosa e levanta-te, ó, terror dos inimigos2!

Veja MAIS »

  1. Era um dever para os guerreiros conservar incólumes seu nome e sua fama. Os que morriam com bravura no campo de batalha alcançavam a bem-aventurança celeste. []
  2. Parantapa, em sânscrito. []
Compartilhe esse conteúdo com alguém...