Paschimottanasana nordestino

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

Paschimottanasana nordestino, desenho de Maurício Salém

Paschimottanasana nordestino, desenho de Maurício Salém

» por Tales Nunes, do Vida de Yoga (1)

1 – Sentado, com os cambito estirado pra frente, arregaça as banda das nádega pros lado, pregando os ossinho dos quarto no chão.

2 – Puxando o ar pelas venta, estira a espinha pra riba, os ombro vão pra baixo, diminuindo as cava das saboneteira.

3 – Soltando o ar pelas venta, desce a espinha estirada pra frente, segura com os dedo fura bolo e maior de todos o dedão do pé.

4 – Puxando o ar pelas venta, como se um cabra te puxasse pra riba com uma corda pela molêra, sinta a espinha estirar.

5 – Soltando o ar, tente pregar o bucho nas coxa, levando a queixada pra perto do mocotó, sem engilhar o couro do cangote. E fique zarolho.


6 – Pra sair do perrengue, volta com a espinha pra riba, puxando o ar pelas venta e levantando os braço pra riba da cabeça.

7 – Soltando o ar pelas venta, arreia os braço, faz hummm e pode largá mão de ficar zarolho.

8 – Om Xente!(2)
Paschimottanasana nordestino, desenho de Maurício Salém

Paschimottanasana nordestino, desenho de Maurício Salém

  1. Artigo originalmente publicado em 6 de outubro de 2005 em yoga.pro.br, com ilustração foi feita pelo yogi Maurício Salem. Visite o site Vida de Yoga, do Prof. Tales Nunes, em vidadeyoga.com.br []
  2. Até mesmo se você conseguiu compreender a descrição desse exercício, lembre-se de que toda prática de asana envolve riscos potenciais e deve ser feita sob supervisão de um professor competente ou sozinho, mas somente após haver passado pelo processo de aprendizado com um Instrutor qualificado. []
Compartilhe esse conteúdo com alguém...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.