Prefácio do livro A Senda do Yoga, de Maria Laura Garcia Packer

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

» por José Hermógenes (1921-)

Gilmar Packer, Professor Hermógenes e Maria Laura Packer

Gilmar Packer, Professor Hermógenes e Maria Laura Packer

Será que conseguirei salvar o Yoga? – algumas vezes surpreendi-me agoniado, a fazer-me tão estranha pergunta. Agoniado, sim. Por que não? O Yoga me conduzira a uma cura espetacular que espantou acho que todos que acompanhavam o caso, incluindo o próprio médico que cuidava de mim e me aplicava o melhor da tecnologia médica dos anos 50. Em tempo recorde tive alta, contrariando os sombrios prognósticos cientí­ficos. Yoga, desde então, passou a ser-me a única ciência capaz de tornar o ser humano mais feliz, mais sadio, mais liberto, mais forte, mais sábio, mais capaz de passar a vida amando todos, servindo os aflitos, sempre a vencer, com a mente pura e alerta. Eu via, e continuo vendo, o Yoga como o melhor meio de trazer paz não somente a cada alma, mas à humanidade inteira.

Veja MAIS »

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

A Bhagavad Gita e a guerra

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

Arjuna e Krishna
» por Svami Prabhavananda e Chistopher Isherwood

Antes da batalha de Kurukshetra começar, Arjuna pede a Krishna para levar sua carruagem até o espaço aberto entre os dois exércitos, para que possa ver os homens com quem vai lutar. Quando Krishna chega lá, Arjuna reconhece muitos de seus parentes e velhos amigos entre as fileiras do inimigo. Fica horrorizado pela revelação de que está para matar aqueles a quem ama mais do que a si mesmo. Em seu desespero, exclama: “Não lutarei!”.

Veja MAIS »

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

Modos e meios

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

Arjuna ajoelhado diante de Krishna» por José Hermógenes (1921-)

O yogi, dessa maneira, com a mente controlada, une-se ao Atman
e obtém a paz que culmina em
Nirvana, a paz que existe em Mim.
Bhagavad Gita, VI:15


Há modos diferentes para se vencer as distâncias na estrada para Deus.

Se o que nos afasta de Deus e nos vincula ao mundo é nosso imperfeito amar ou nossa incapacidade para o verdadeiro amor, nosso caminhar deve primordialmente ser um aperfeiçoamento nosso para a universalização e purificação do amor.

Na medida em que aprendermos a perder nosso eu na delí­cia de um amor cósmico e imaculado, estamos sendo libertados, curados e salvos pelo amor. E isso se chama Bhakti Yoga.

Veja MAIS »

Compartilhe esse conteúdo com alguém...