Com quantos niyamas se faz uma yogini?

Compartilhe esse conteúdo por meio do

Sigmund Freud (1856 - 1939)

Sigmund Freud (1856 – 1939)


» por Adriana Bogéa (1)

Descobri o Yoga em um momento de profunda insatisfação profissional e de grande descontentamento com a insuficiência das respostas fornecidas pela Psicanálise, referencial teórico que escolhi ainda na faculdade de Psicologia, às minhas indagações sobre o viver. Ainda na faculdade, me encantei com a postulação freudiana sobre o Inconsciente, que era apresentada como a terceira ferida narcísica imposta ao ser humano, depois da Teoria de Copérnico e da Teoria de Darwin.

A noção de Inconsciente, “carro chefe” da teoria psicanalítica, trazia consigo a ideia da ingovernabilidade do ser humano, pois ele não seria mais “senhor” de si nem na sua própria morada. E isso se daria porque havia um lugar psíquico de certo modo “inacessível e indomável”, que direcionaria os comportamentos do indivíduo à revelia deste.

Veja MAIS »

  1. Artigo originalmente publicado em 27 de julho de 2010 em yoga.pro.br []
Compartilhe esse conteúdo por meio do

Yoga e Psicoterapia

Compartilhe esse conteúdo por meio do

Cristiano em preparatório do janusirshasana na sala de Yoga do Ar+Zen » foto por Ana Lorena Magalhães

Cristiano em preparatório do janusirshasana na sala de Yoga do Ar+Zen » foto por Ana Lorena Magalhães

» por Professor Hermógenes (1921-2015) (1)

Tratamento psicoterápico é o que procura sanear (tornar ) a mente, fundamentando-se na tese de que as condições de desequilíbrio, desarmonia, impureza e inquietude mentais são responsáveis pelos transtornos físicos. É tratamento comprovadamente eficaz. Sua eficácia demonstra a solidez da tese.

As escolas de psicologia do inconsciente, principalmente a Psicanálise e a Auto-análise, têm sido as que melhor atendem aos fins psicoterápicos. Têm sido as mais utilizadas pelos especialistas de todo o mundo.

Veja MAIS »

  1. Texto (originalmente publicado na década de 1960) extraído das páginas 94 a 99 da 35ª edição, de 2001, do livro Yoga para Nervosos, do Professor Hermógenes (1921-2015), e digitado por Cristiano Bezerra em 13 de junho de 2001. Visite o website do Instituto Hermógenes em hermogenesyoga.com.br []
Compartilhe esse conteúdo por meio do

Sankalpa, a intenção

Compartilhe esse conteúdo por meio do

Yoganidra em aula do Prof. Cristiano Bezerra no Espaço Respire em 17 de janeiro de 2015. Foto por Cristiano Bezerra

Yoganidra em aula do Prof. Cristiano Bezerra no Espaço Respire em 17 de janeiro de 2015. Foto por Cristiano Bezerra

» por Karin Heuser Wolff (1)

O propósito (sankalpa) é aquilo que se pretende fazer ou conseguir. É uma intenção dirigida, mas também uma resolução. O propósito produz foco e direção para aquilo que queremos, e ajuda na concentração.

O sankalpa é uma ótima ferramenta para formarmos samskaras positivos, substituindo os negativos, pois com o desenvolvimento das qualidades opostas um elemento indesejável desaparece.

Veja MAIS »

  1. Visite o site da professora Karin Heuser Wolff em karinyogatips.com []
Compartilhe esse conteúdo por meio do