O que é Yoga? por Karin Heuser Wolff

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

Aluna Raquel em sua aula de Yoga em casa em março de 2017. Foto por Cristiano Bezerra.

Aluna Raquel em sua aula de Yoga em casa em março de 2017. Foto por Cristiano Bezerra.


» por Karin Heuser Wolff

Existem várias linhas, vários métodos de Yoga, e neste artigo pretendo apresentar um apanhado geral do que é o Yoga, suas técnicas, o sistema de Patañjali e a ética do Yoga nos yamas e niyamas.

A palavra Yoga deriva da raiz sânscrita yuj, que significa jungir, atar, reunir, religar, dirigir e concentrar a atenção sobre, usar e aplicar. Significa também união ou comunhão, além de uma atitude da consciência que permite a alguém encarar a vida em todos os seus aspectos com equanimidade.

Veja MAIS »

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

Bicicleta, ahimsa e a cultura do automóvel

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

Ciclista em Mumbai, Índia

Ciclista em Mumbai, Índia


» por Goura Nataraj (Jorge Brand) (1979-)

Uma das mais importantes qualidades de um brahmana, de um yogi, é a capacidade de reconhecer em tudo o que existe, nas mais diversas e distintas manifestações de existência, a unidade de Brahman, o princípio único que subjaz em todos os fenômenos.

Esse olhar singular, este re-conhecimento místico, aparece na Bhagavad Gita sob o termo sama-darshinah – visão equânime. O yogi possui uma visão de igualdade. Na diversidade quase infinita do mundo material, ele vê sempre Brahman, a divindade, a consciência suprema, por trás das formas sempre diferentes, sempre mutantes dos fenômenos.

Veja MAIS »

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

Hatha Yoga, uma ginástica…

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

Professor Hermógenes em padmasirshasana na década de 1960

Professor Hermógenes em padmasirshasana na década de 1960


» por Professor Hermógenes (1921-2015)

Praticar ginástica é cada dia mais necessário, principalmente àqueles que vivem numa grande cidade, desempenhando ocupações sedentárias. As pessoas vivem em regime de sobrecarga para a mente, provocada por preocupações e problemas de toda espécie, desde a falta de empregadas domésticas até a iminência de um conflito nuclear, desde a dificuldade de transporte até a alta incessante do custo de vida… Por outro lado, há também a sobrecarga para o pobre organismo (nervos, músculos…), porque é preciso trabalhar em mais de um emprego a fim de não sucumbir às condições aflitivas do orçamento.

O excessivo desgaste físico e mental conduz o homem a encher a casa de quinquilharias que a técnica fabrica para dar-lhe mais comodidade à vida, e também o leva a correr à caça de múltiplos divertimentos excitantes. As ocupações rotineiras e sedentárias o fadigam. A efervescência político-social o neurotiza. As comodidades o amolecem. Os divertimentos quase sempre o fatigam. Raramente consegue o homem moderno repousar e recuperar-se. Isso é coisa que somente durante as férias anuais poucos conseguem.

Veja MAIS »

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

Criar bons hábitos e destruir maus hábitos

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

Cristiano em vajrasana, a postura do diamante, na sala de Yoga do Ar+Zen. Foto por Cristiane Brito

Cristiano em vajrasana, a postura do diamante, na sala de Yoga do Ar+Zen. Foto por Cristiane Brito

» por Paramahansa Yogananda (1893 – 1952)

A mente pode lhe dizer que você é incapaz de libertar-se de um hábito em especial, mas os hábitos são apenas repetições de seus próprios pensamentos, e, esses, você tem a capacidade de mudar. A maioria das pessoas que decide parar de fumar ou de comer doces em demasia continua a realizar tais atos, malgrado seu. Elas não mudam, porque as suas mentes, como esponjas, absorveram os seus hábitos de pensar. Hábito significa que a mente acredita não poder se livrar de determinado pensamento. O hábito é tenaz, sem dúvida. Uma vez praticado, um ato deixa um efeito ou impressão na sua consciência. Como resultado dessa influência, você tem probabilidade de repetir esse ato.

Veja MAIS »

Compartilhe esse conteúdo com alguém...