O que é Yoga? por Pedro Kupfer

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

Cristiano Bezerra em padmasana, a postura da flor de lótus, em 2013. Foto por Cristiane Brito.

Cristiano Bezerra em padmasana, a postura da flor de lótus, em 2013. Foto por Cristiane Brito.

» por Pedro Kupfer (1966-), do yoga.pro.br

Muito se fala a respeito do Yoga. Muitas definições foram dadas, mas sempre temos a sensação de que alguma coisa fica faltando; de que ele se recusa a ficar aprisionado numa definição. Porque essas quatro letras juntas significam muitas coisas. E o Yoga acaba sendo sempre mais do que as palavras podem dizer.

O Yoga é uma visão peculiar sobre o ser humano e seu papel na ordem das coisas, bem como um caminho de autoanálise que pode ser colocado em prática, prescindindo de qualquer teoria ou crença. Um caminho que conduz o homem a compreender verdadeiramente a si mesmo.

Todo mundo já ouviu dizer que Yoga significa união em sânscrito, mas Yoga igualmente significa trabalho, aplicação. Ou seja, Yoga seria o meio e o fim ao mesmo tempo. Jaideva Singh, no comentário do Vijñanabhairava (p. XIII), um antigo texto tântrico, afirma:

Veja MAIS »

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

Afinal, o que é Tantra?

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

Sri Yantra

Sri Yantra


» por Mauricio Wolff

Tantra é um sistema de conceitualização do universo, um modo de explicar porque a existência existe e como ela funciona. Assim como os Vedas.

Segundo Herbert Von Guenter, estudioso do Buddhismo, os tantras “contém uma visão muito íntegra e saudável da vida”.

No seu livro Tantra, Georg Feuerstein afirma que o surgimento dos tantras deve-se ao fato deles serem mais adequados às necessidades da Kali Yuga, era caracterizada pela velocidade e preferência a ilusão à verdade.

Veja MAIS »

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

A história do Yoga

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

Selo com um yogin em siddhasana cercado de animais

Selo com um yogin em siddhasana cercado de animais

» por Maurício Wolff

Curioso por natureza e cético por experiência, o praticante de Yoga deve ter se perguntado, em algum momento dos seus estudos, qual é a idade do Yoga e da prática escolhida.

Para essa pergunta, como para quase todas, existem várias possíveis respostas. A primeira e mais óbvia é procurar as origens históricas da linhagem, método ou Yoga em si. E aí começa a aventura.

A tradição na Índia faz com que o estudante reconheça a origem do seu conhecimento adquirido no seu professor, quer ele mantenha os ensinamentos exatamente como aprendeu ou tenha desenvolvido o que foi aprendido.

Veja MAIS »

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

O Yoga e a bicicleta

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

Swami Sivananda (1887 – 1963) e sua bicicleta

Swami Sivananda (1887 – 1963) e sua bicicleta


» por Goura Nataraj (Jorge Brand) (1979-)

A relação do ser humano com o seu habitat envolve necessariamente a questão do seu deslocamento nesse habitat. Meios de transporte que estejam mais em sintonia com a natureza se tornarão mais e mais requisitados, desde que a sustentação do esquema do óleo – petro-óleo – têm se mostrado como uma das coisas mais desastrosas nas quais a humanidade já se meteu.

Podemos pensar desde os numerosos vazamentos nas praias e mares, com consequências duradouras aos locais onde ocorreram tais incidentes (Galícia, Alasca, Paranaguá, Rio Iguaçu, Líbano etc), até a poluição das cidades onde se torna cada vez mais desagradável ter que pegar o carro para fazer algum deslocamento qualquer devido às inúmeras complicações que ele provoca.

Veja MAIS »

Compartilhe esse conteúdo com alguém...