Tantra + Vedanta = Hatha Yoga?

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

Shiva e Parvati
» por Pedro Kupfer

Com frequência, estamos acostumados a ver o Vedanta e o Tantra como ensinamentos conflitantes e mutuamente excludentes. O que não paramos para pensar é que essas duas escolas possam ter muito mais em comum do que imaginamos.

Ainda, para além dos pontos em comum que possamos encontrar entre ambas escolas, tampouco imaginamos, desde a nossa perspectiva limitada pelas etiquetas que em tudo colocamos, que alguém possa ter feito uma síntese entre essas duas grandes vias de conhecimento. E, pior ainda para nós, que essa síntese atenda pelo nome de Hatha Yoga!

Veja MAIS »

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

Chakra Sadhana » Curso de Yoga com Cláudio Fernandez em Fortaleza

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

Curso Intensivo de Yoga em Fortaleza com Cláudio Fernandez, do Rio de Janeiro

15, 16 e 17 de outubro de 2010, sexta, sábado e domingo, no Espaço Clara Luz

ChakrasDesde muito cedo, na Índia, se desenvolveu a consciência de que o nosso corpo físico é apenas uma camada, a mais superficial e grosseira, de toda uma estrutura muito mais complexa e abrangente. Os yogis que começaram, em profundos estados meditativos, a olhar para o seu interior, descobriram que tanto o corpo físico, que todos nós percebemos, como o corpo sutil, são sustentados por um fluxo constante de energia, que os anima e os integra, e chamaram essa energia, que tudo o permeia, de prana. Esse fluxo de prana circula por nosso corpo por três vias: pela alimentação, em um processo lento de absorção liderado por jataragni, o fogo metabólico interior; por absorção direta pela pele, em uma troca similar a um processo osmótico, onde a energia passa da zona de maior fluxo para a de menor fluxo; e pela respiração, via direta e dinâmica que permite, através de técnicas de controle respiratório, conduzir, aumentar e concentrar o fluxo de prana.

Veja MAIS »

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

Uma outra maneira de ver os chakras

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

Chakras em um yogi

» por Tales Nunes

Sempre ouvimos que os chakras deveriam ser visualizados ou sentidos. Como não conseguimos vê-los ou senti-los em toda a complexidade que é apresentada pelo Tantra, propomos interpretá-los de uma maneira diferente. Sugerimos, neste artigo, apenas pensarmos sobre os chakras. Acreditamos que o caminho à iluminação proposto pela prática tântrica pode ser pensada como uma simbologia da nossa própria trajetória de vida e da nossa busca pessoal pela espiritualidade, ou melhor, pela liberação. De acordo com o Vedanta, independentemente de etnia, nacionalidade ou crença, são quatro as buscas dos seres humanos: artha (segurança), kama (prazer), dharma (o correto agir) e moksha (a libertação).

Veja MAIS »

Compartilhe esse conteúdo com alguém...