Significados e interpretações da palavra Yoga

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

Aluna Fabíola em sua aula de Yoga em casa em dezembro de 2017. Foto por Cristiano Bezerra.

Aluna Fabíola em sua aula de Yoga em casa em dezembro de 2017. Foto por Cristiano Bezerra.

» por Pedro Kupfer (1966-), do yoga.pro.br

Yoga é um dos termos mais flexíveis e polissêmicos (com vários sentidos) da língua sânscrita. Essa palavra, assim como outras, pode mudar muito de significado, de acordo com o contexto. Se você consultar um dicionário sânscrito, achará, dentre outras, as seguintes acepções:

Yoga = unir, jungir, juntar, atrelar, manter junto. Equipe, soma, conjunção, resultado. Magia, mágica. Mentira, embuste. Arreio, cinto, jugo. Controle da mente e dos sentidos, método de autoconhecimento, caminho espiritual. Trabalho, tarefa. Nome de um sábio mítico mencionado no Mahabharata.

1. A palavra Yoga aparece pela primeira vez no Rg Veda, de aproximadamente 5000 a.C. Naquele tempo e naquele contexto, não significava o que significa hoje, mas tinha o sentido de “aplicação“. Yoga era um dos recursos usados no ritual védico.

Veja MAIS »

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

Dashavatar, filme épico indiano na Netflix

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

Dashavatar, filme épico musical de animação indiano

Dashavatar, filme épico musical de animação indiano

Dashavatar: every era has a hero (2008) é um filme épico musical de animação indiano, lançado, em junho de 2017, no catálogo da Netflix aqui no Brasil, no qual ficará disponível somente até o dia 29 de junho de 2018, sexta-feira.

Sinopse: Neste musical de animação indiano, duas crianças são transportadas através do tempo e descobrem que Vishnu já reencarnou diversas vezes para combater o mal.

Estrelando: Shatrughn Sinha, Sachin Khedekar, Shreyas Talpade, Rupali Ganguly e Tom Alter.

Veja MAIS »

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

A história da Bhagavad Gita

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

» por Roviralta Borrel (1856-1926)
Arjuna e Krishna
A epopeia Mahabharata, de que faz parte a Bhagavad Gita, foi compilada na forma atual entre os séculos V e I a.C., e se reporta à grande Índia de outrora, unificada política e culturalmente, estendendo-se do Himalaia ao cabo Camorim.

Os Kurus (ou Kauravas) formavam um importante kula (clã) dessa época. Quando seu Rei Dhrtarastra, o Rei cego, envelheceu, decidiu ceder o trono, não a seu filho Duryodhana, mas ao primogênito de seu irmão Pandu (ou Pandava), Yudhisthira, pois Duryodhana, dado ao mal, não era digno de governar. Mas Duryodhana apoderou-se do trono através de intrigas e traições e tratou de tentar liquidar Yudhisthira e seus quatro irmãos.

Veja MAIS »

Compartilhe esse conteúdo com alguém...