Saúde, uma responsabilidade diária

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

» por Arjun Das

Predominância dos doshas ao longo do dia

Predominância dos doshas ao longo do dia

O Ayurveda é rico em orientações práticas, oferecendo diretrizes para a manutenção do bem estar no dia a dia e conservando o seu estado de saúde e vigor.

De acordo com o Ayurveda e o Yoga, a harmonia é o nosso estado natural de ser. Portanto, nada mais importante do que viver preservando essa plataforma.

Svasthavrtta significa “regime de respeito à própria natureza”, e é, com a devida visão, o ponto máximo do Ayurveda, pois é justamente com o foco na conservação de uma condição saudável que o indivíduo conseguirá uma condição plena. Embora esteja claro que o Ayurveda possui um largo leque de terapias, nada mais vital para esse sistema do que conceder informações pertinentes para a pessoa/comunidade, orientando-a sobre como evitar estar em uma condição que venha precisar de intervenção terapêutica. Assim, fica evidente a importância que a prevenção assume dentro desse sistema.

Veja MAIS »

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

Bhagavad Gita: a grande batalha dentro do coração de Arjuna

Compartilhe esse conteúdo com alguém...


» por Rosana BiondilloArjuna e Krishna

A Bhagavad Gita é uma obra de incomensurável valor, amplamente admirada por sua vasta e profunda complexidade. Os grandes temas estão aí­ retratados e as angústias e sofrimentos humanos se mostram por inteiro. Mas há também um outro fator extraordinariamente essencial: a saí­da para essas angústias e dores também é aí­ mostrada, pois a Gita é certeira ao declarar que para o inevitável sofrimento há uma solução.

A melodia do coração

Krishna é o Grande Senhor do Yoga que tem em Arjuna seu dileto discí­pulo. Ao tocar sua flauta melodiosa, Krishna produz uma música que arrebata os corações de todos que a ouvem. Sua melodia é a melodia do coração. E é essa também a melodia da imensa Bhagavad Gita – a Canção do Divino Mestre, onde Krishna instrui pela linguagem do coração.

Veja MAIS »

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

Ujjayi pranayama

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

» por Pedro Kupfer
yogi tibetano
Ujjayi significa vitorioso. Deriva da raiz ujji, conquistar. Embora seja descrita aqui como uma técnica especí­fica de pranayama, esse tipo de respiração acontece espontaneamente em estados de concentração intensa e meditação profunda.

A técnica é muito simples. Sente-se em qualquer posição de meditação, com as costas eretas, porém descontraí­das. Coloque as mãos em jñana mudra e, com os olhos fechados, comece a fazer a respiração completa, contraindo levemente a glote e fazendo com que o ar flua com uma certa pressão. Veja MAIS »

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

Caracterí­sticas da respiração yogika

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

yogi praticando pranayama» por Pedro Kupfer

Em quase todos os casos, excetuando-se alguns exercí­cios especí­ficos, a respiração durante o pranayama precisa manter sempre certas qualidades. Ela deve ser: profunda, completa, consciente, ritmada, controlada, uniforme, lenta, silenciosa, nasal e com a mí­nima projeção do ar. Veremos separadamente cada uma dessas particularidades.

1) Profunda. A respiração yogika é ampla, utilizando a totalidade da capacidade pulmonar. Respirar profundamente significa usar a estrutura ósseo-muscular do tronco para otimizar a assimilação do ar. Ao respirar, toda a musculatura do tronco participa do processo, porém, nunca devemos elevar nem movimentar os ombros.

Veja MAIS »

Compartilhe esse conteúdo com alguém...