Benefícios de utkatasana, a postura desigual, segundo Lino Miele

Utkatasana, em desenho por John Scott

Utkatasana, em desenho por John Scott


» por Lino Miele

Este asana ajuda a reduzir a gordura ao redor da cintura e fortalecer os músculos das pernas e das costas.

É muito benéfico para todo tipo de dor nas costas, incluindo problemas de disco, e diz-se que auxilia na recolocação da parte externa fibrosa do disco intervertebral, no caso de haver lesão.

Aumenta a força das costas de forma abrangente e melhora muito o reumatismo.

Para fins terapêuticos, esse asana deveria ser mantido por muito mais do que 5 a 8 respirações, chegando a 10 minutos, podendo ser útil em caso de hérnias e para realinhamento da coluna.

Veja MAIS »

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

Asana é diversão?

Um palhaço imitando uma postura (asana) de Yoga

Um palhaço imitando uma postura (asana) de Yoga

» por Pedro Kupfer, do yoga.pro.br

Estava ontem lendo um livro de Yoga escrito por um dos mais famosos yogis estadunidenses, que ensina um método criado por ele próprio aqui no Ocidente. Embora tente me manter aberto, tendo a desconfiar das formas de Yoga nascidas fora do berço, porque a possibilidade de viralatizar a prática aumenta muito. No final do capítulo sobre asana (a prática física do Yoga), uma frase chamou minha atenção: put on some inspiring music, and have fun!, que significa: ponha uma música inspiradora [para tocar durante a prática], e divirta-se! (To have fun traduz-se como “divertir-se”).

Veja MAIS »

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

Surya namaskar, a saudação ao Sol

» por Pedro Kupfer

Pedro Kupfer fazendo o Surya namaskar A

Pedro Kupfer fazendo o Surya namaskar A

Diz-se que a série de exercí­cios da saudação ao Sol, chamada Surya namaskar, em sânscrito, remontaria à pré-história, quando o homem reverenciava Savitri, o deus-Sol, mas temos evidências de que as práticas de asanas são muito mais novas do que se imaginava algumas décadas atrás.

Mas isso não importa, pois a pré-história pode ser evocada agora, e você pode resgatar a intensidade que os pensamentos, intuições ou sentimentos tinham antes de existir a linguagem, as convenções sociais, as expectativas, a pressão, o estresse e as instituições que acabam com a liberdade do homem de hoje.

Veja MAIS »

Compartilhe esse conteúdo com alguém...