A história da civilização da Índia

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

Porto em Lothal, uma das mais conhecidas cidades da antiga civilização do vale do rio Indus

Porto em Lothal, uma das mais conhecidas cidades da antiga civilização do vale do rio Indus

» por Gloria Arieira (1953-), do Vidya Mandir

Ao entrar em contato com o vasto conhecimento dos Vedas, nos deparamos constantemente com a tentativa de marcar datas para a história da cultura e da população indiana, entender sua origem genética e determinar a antiguidade e, portanto, a originalidade do conteúdo dos Vedas.

Max Müller, na primeira metade do século XIX, e outros estudiosos europeus difundiram a teoria da invasão ariana, povo originado da Europa e/ou Ásia Central que teria entrado na Índia pelo noroeste do país. Essa teoria, que rouba o valor, a originalidade e a antiguidade dos Vedas, viria a ser aceita como verdadeira, mesmo por estudiosos indianos, até recentemente, muito após a independência da Índia em 1947.

Veja MAIS »

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

A Bhagavad Gita e a Filosofia Perene

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

Arjuna e Krishna
» por Aldous Huxley (1894 – 1963)

Mais de vinte e cinco séculos passaram-se desde que a chamada Filosofia Perene (Sanathana Dharma) foi posta no papel; e, no curso desses séculos, encontrou expressão repetidamente, ora parcial, ora completa, ora nesta forma, ora naquela. No Vedanta e na profecia Hebraica, no Tao Te King e nos diálogos platônicos, no Evangelho segundo São João e na teologia Mahayana, em Plotinus e no Arcopagita, entre os sufis persas e os mí­sticos cristãos da Idade Média e da Renascença – a Filosofia Perene falou quase todas as lí­nguas da Ásia e da Europa e fez uso da terminologia e tradições de cada uma das religiões mais elevadas.

Veja MAIS »

Compartilhe esse conteúdo com alguém...