Yoga para iniciantes: a teoria e a prática

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

Tania em padmasana e anjali mudra» por Rosana Biondillo

O Yoga é considerado uma disciplina prática. Numa aula, há várias partes que formam um conjunto harmônico. Cada uma dessas partes enfatiza um aspecto, como: preceitos éticos, posturas psicofísicas, respiração, relaxamento, concentração e meditação.

É um trabalho que integra corpo e mente de maneira consciente, promovendo uma reestruturação mental e orgânica do praticante. É por esse motivo que o mais apropriado é dizer “praticar Yoga”, e não “fazer Yoga”. Porém, isso não significa que o Yoga não tenha teoria. Tem, e muita! Só que, por si só, essa teoria é mero conhecimento intelectual. Importantíssimo, sem dúvida. Porém, no contexto do Yoga, a teoria deve ser incorporada à prática. Tem que ser “experimentada”. O praticante que estuda os textos tradicionais do Yoga pode compreender melhor suas experiências e avançar em sua prática. Mas tem que praticar.

Veja MAIS »

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

Entrevista com Rodrigo Gomes Ferreira no eYoga.com.br

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

O professor fala sobre os estudos de Vedanta e sânscrito
e sua experiência como Editor dos Cadernos de Yoga

Rodrigo Gomes Ferreira» por Renata de Sá

eYoga » Você foi Editor de uma publicação considerada muito filosófica. O que o Cadernos de Yoga acrescentou na sua vida?

Rodrigo Gomes Ferreira » O Cadernos de Yoga surgiu com a intenção de oferecer o estudo do Yoga ligado com seu contexto, a tradição védica, com profundidade. Também queríamos uma publicação com ampla distribuição e que ajudasse no senso de comunidade dos praticantes de Yoga no Brasil, bem como dar visibilidade aos bons professores e trabalhos de praticantes. Veja MAIS »

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

Karma Yoga – Bhagavad Gita, canto III

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

Yoga da ação

Arjuna disse:

Krishna e Arjuna1. Se julgas, Janardana, que o conhecimento é superior à ação, por que me obrigas a cometer semelhante ato de crueldade, Keshava?

2. Com Tua linguagem ambígua confundes meu entendimento. Assim, pois, indica-me com clareza o caminho mais seguro por onde eu possa alcançar a bem-aventurança.

Krishna disse:

3. Segundo te disse antes, há neste mundo dois caminhos1, ó, tu de coração puro2: o dos samkhyas, que praticam a devoção3 através do conhecimento espiritual, e o dos yogis, que professam a devoção através das obras.

Veja MAIS »

  1. Métodos ou regras de vida. []
  2. Somente os homens de coração puro estão aptos para receber a Verdade. []
  3. Yoga. []
Compartilhe esse conteúdo com alguém...