Bhagavad Gita: a grande batalha dentro do coração de Arjuna

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

» por Rosana Biondillo

A Bhagavad Gita é uma obra de incomensurável valor, amplamente admirada por sua vasta e profunda complexidade. Os grandes temas estão aí retratados e as angústias e sofrimentos humanos se mostram por inteiro. Mas há também um outro fator extraordinariamente essencial: a saída para essas angústias e dores também é aí mostrada, pois a Gita é certeira ao declarar que para o inevitável sofrimento há uma solução.

A melodia do coração

Krishna é o Grande Senhor do Yoga que tem em Arjuna seu dileto discípulo. Ao tocar sua flauta melodiosa, Krishna produz uma música que arrebata os corações de todos que a ouvem. Sua melodia é a melodia do coração. E é essa também a melodia da imensa Bhagavad Gita – a Canção do Divino Mestre, onde Krishna instrui pela linguagem do coração.

Veja MAIS »

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

Nadi shodhana pranayama nas escrituras clássicas do Hatha Yoga

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

yogi praticando nadi shodhana pranayama
» por Miguel Homem

Vimos dar início a um estudo comparativo de alguns pranayamas em textos clássicos do Hatha Yoga, o Hatha Yoga Pradipika, o Gheranda Samhita e o Shiva Samhita, com o que se pretende dar a conhecer parte daqueles textos, bem como familiarizar o praticante com a linguagem dos shastras.

O nadi shodhana pranayama é vulgarmente conhecido como a respiração alternada. A sequência base desse pranayama é feita da seguinte forma:

Veja MAIS »

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

Yoga é autoconhecimento

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

Vyasa» por Cláudio Azevedo

Palavra comum no Ocidente, o termo Yoga tem diversas acepções, de acordo com inúmeras escrituras:

“É a unificação das teias das dualidades” (Yoga Bija, 84)
“A união da psique individual (jiva) com o Si mesmo transcendental (paramatma)”
(Yoga Yajnavalkya, 1.44)
“Yoga é êxtase” (Yoga Bhashya de Vyasa, 1.1)

Veja MAIS »

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

A teoria da invasão ariana é um trote

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

» por Pedro Kupferreconstituição de Harappá

Este extenso artigo, extraído das páginas 87 a 102 do livro História do Yoga, de Pedro Kupfer, explica o como e o porque da teoria da invasão ariana na Índia, e as implicações políticas que traz para um praticante de Yoga deste século o fato de aceitar passivamente essa informação mentirosa. Pense no que está escrito aqui e lembre que nenhum mestre de Yoga indiano jamais aceitou essa versão da história, nefasta para a cultura em que nasceu o Yoga.

Veja MAIS »

Compartilhe esse conteúdo com alguém...