A Páscoa na visão do Vedanta

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

Jesus de Nazaré (4 a.C. – 33 d.C.), o Cristo

Jesus de Nazaré (4 a.C. – 33 d.C.), o Cristo

» por Andrês De Nuccio, do Instituto Ísvara, de Campinas (SP)

Vedanta é uma tradição que vem preservando e transmitindo, de geração a geração, o conhecimento da real natureza daquela parte de nosso ser que chamamos de Eu.

Num sentido amplo, Vedanta é todo ensinamento que leve o estudante a uma apreciação correta de sua própria natureza.

A nossa cultura nos transmitiu conceitos a respeito do que somos, através de nossos pais, professores e adultos significativos na infância, e através da televisão, jornais, e demais mídias formadoras de opinião na vida adulta.

Ao longo da nossa vida, fomos construindo respostas para a pergunta básica e fundamental: “quem sou eu?”. E essas respostas nos levam a viver do modo como estamos vivendo.

Veja MAIS »

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

Chega de remédios falsos » entrevista com o Professor Hermógenes

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

Professor Hermógenes no Retiro de Carnaval de 2008

Professor Hermógenes no Retiro de Carnaval de 2008

Diante da perspectiva de uma crise econômica, ética e moral, o Prof. José Hermógenes nos afirma, em 1998, a simples e eficiente receita de nos encontrarmos com o verdadeiro propósito do Yoga. Ele próprio já é um manifesto vivo. Mesmo assim, seu depoimento resulta numa fervorosa defesa da essência dessa prática milenar.

Adilson Cabral – Como foi o início de sua trajetória no Yoga?

Veja MAIS »

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

Mestres mequetrefes e gurus de verdade

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

» por Pedro Kupfer
O falso místico Radesh da novela Caminho das Índias (2009)
É impossível negar a influência que o Yoga tem hoje em dia sobre centenas de milhares de ocidentais. Estrelas de Hollywood, pop stars e atletas famosos estão voltando seus interesses para esta prática que surgiu em tempos neolíticos na Índia. A descoberta de si próprio está na moda!

Esse movimento, que acarreta o nascimento de inúmeras entidades encarregadas de divulgá-lo, responde a uma demanda real da sociedade: estamos com sede de nos conhecer. Queremos saber quem somos. Queremos tirar o véu.

Veja MAIS »

Compartilhe esse conteúdo com alguém...