Introdução do livro Deus investe em você

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

Capa do livro Deus investe em você, do Professor Hermógenes.

Capa do livro Deus investe em você, do Professor Hermógenes.

» por Professor Hermógenes (1921-2015)

Este livro é mais uma tentativa de estimular pensamento, reflexão e esforço que possam viabilizar a libertação d’Aquilo que, dentro de cada pessoa, cintila como faísca do Supremo Sol, mas que, envolto nos densos véus opacos de todas as manifestações do egoí­smo, é como se não existisse.

Mas existe mesmo, pois é a própria Vida.

Aprendi e tenho certeza: dentro de cada ser humano, o altar de Deus está iluminado pelo Amor, e é reino de pureza e luz, de liberdade e poder, de paz e perfeição.

Sei – e você também sabe – que todo esse tesouro está como que enterrado, e sem vez. É como se não existisse.

Veja MAIS »

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

O que são os mantras?

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

Shantipatah, invocação de paz

Shantipatah, invocação de paz


» por Pedro Kupfer (1966-), do yoga.pro.br

Literalmente, mantra significa instrumento do pensamento. Os sons mântricos são o melhor instrumento para limpar a mente e desintegrar os condicionamentos. Mas a repetição de um som não é um fim em si mesmo. Ela se faz em função dos resultados: estabilidade do pensamento e expansão da consciência. Enquanto os sons comuns são manifestações da Shakti, o poder da natureza, os mantras são expressões concentradas desse mesmo poder, forças criativas que agem diretamente sobre a consciência.

Veja MAIS »

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

Idéias para uma relação entre o Yoga e o Ciclismo

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

Goura Nataraj em sua bicicleta» por Goura Nataraj das (Jorge Brand)

Não há dificuldade em percebermos que nossa sociedade moderna volta-se cada vez mais a um ideal oriental de paz e disposição para com a vida. O número de escolas de Yoga, de ashrams, de autores, professores e de estudos sérios sobre o assunto também aumenta e tende a crescer. Claro que falamos aqui em termos gerais, relativos, pois o mundo ocidental também vê crescer em si, ou melhor, re-crescer em si, ideais de alienação, separatismo, ódio e preconceito. Que outra oposição mais dí­spare e precisa poderíamos fazer, ao lembrarmos da figura de Gandhi, com sua tremenda força espiritual, que abnegava o uso da violência, e o atual “senhor-da-guerra”, Sr. Bush, que afirma trazer a luz da civilização para o lado escuro da humanidade, utilizando para isso a defesa de uma ideologia da violência aliada a uma propaganda de um falso dever moral? Veja MAIS »

Compartilhe esse conteúdo com alguém...