Bicicleta, ahimsa e a cultura do automóvel

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

Ciclista em Mumbai, Índia

Ciclista em Mumbai, Índia


» por Goura Nataraj (Jorge Brand) (1979-)

Uma das mais importantes qualidades de um brahmana, de um yogi, é a capacidade de reconhecer em tudo o que existe, nas mais diversas e distintas manifestações de existência, a unidade de Brahman, o princípio único que subjaz em todos os fenômenos.

Esse olhar singular, este re-conhecimento místico, aparece na Bhagavad Gita sob o termo sama-darshinah – visão equânime. O yogi possui uma visão de igualdade. Na diversidade quase infinita do mundo material, ele vê sempre Brahman, a divindade, a consciência suprema, por trás das formas sempre diferentes, sempre mutantes dos fenômenos.

Veja MAIS »

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

Saúde, uma responsabilidade diária

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

» por Arjun Das

Predominância dos doshas ao longo do dia

Predominância dos doshas ao longo do dia

O Ayurveda é rico em orientações práticas, oferecendo diretrizes para a manutenção do bem estar no dia a dia e conservando o seu estado de saúde e vigor.

De acordo com o Ayurveda e o Yoga, a harmonia é o nosso estado natural de ser. Portanto, nada mais importante do que viver preservando essa plataforma.

Svasthavrtta significa “regime de respeito à própria natureza”, e é, com a devida visão, o ponto máximo do Ayurveda, pois é justamente com o foco na conservação de uma condição saudável que o indivíduo conseguirá uma condição plena. Embora esteja claro que o Ayurveda possui um largo leque de terapias, nada mais vital para esse sistema do que conceder informações pertinentes para a pessoa/comunidade, orientando-a sobre como evitar estar em uma condição que venha precisar de intervenção terapêutica. Assim, fica evidente a importância que a prevenção assume dentro desse sistema.

Veja MAIS »

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

Yoga e saúde

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

Cristiano em bakasana, a postura do corvo, na sala de Yoga do Ar+Zen. Foto por Ana Lorena Magalhães

Cristiano em bakasana, a postura do corvo, na sala de Yoga do Ar+Zen. Foto por Ana Lorena Magalhães


» por Dr. Luís Mário Duarte

Yoga deriva da raiz sânscrita yuj, que significa ligar, unir. Há uma outra palavra em sânscrito, arogya, que significa saúde. Uma outra palavra, semelhante às outras duas, é bhoga, que poderíamos traduzir como usufruir, no sentido de gozar, curtir. Nós somos condicionados pela nossa cultura apenas para curtir, apesar de existir uma pretensa preocupação pela união, pela religião como fundamento moral da sociedade, que garantiria os valores espirituais do homem, e pelos cuidados com a saúde, que possibilitaria o exercício dessa busca através de um corpo hígido e adaptado para enfrentar os desafios do caminho para o sagrado, com o desenvolvimento da plenitude do corpo-mente.

Veja MAIS »

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

Yoga não é só técnica: Yoga é cultura

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

Valmiki, autor do Ramayana, o mais antigo épico indiano

Valmiki, autor do Ramayana, o mais antigo épico indiano

» por Pedro Kupfer, do yoga.pro.br

Muitos autores afirmam que o Yoga é um conjunto de técnicas práticas. No entanto, a definição do Yoga como pura e simples prática é incompleta, pelo fato de que ele vai muito além de seus aspectos técnicos.

Vejamos a definição de prática segundo o Dicionário Houaiss: prática é o “ato ou efeito de fazer algo, ação, execução, realização. Execução de alguma coisa que se planejou. Execução rotineira de alguma atividade. Maneira usual de fazer ou agir”. Nós sabemos que o Yoga é muito mais que isso.

Veja MAIS »

Compartilhe esse conteúdo com alguém...